Carrinho 0

A arte como expressão da glória: Napoleão Bonaparte ,

R$ 75,00

Em estoque

ID do produto:: 33 REF: ISBN 978-8599518-10-6 Categorias ,

A arte como expressão da glória: Napoleão Bonaparte
Beatriz Westin de Cerqueira Leite

 

A trajetória de um imperador

Ao se aproximar do mundo artístico do Primeiro Império, Napoleão estabeleceu, com sucesso, relações estreitas entre arte e política. Identificando o momento da produção artística estudada – fins do século XVIII e início do XIX -, a autora faz uma seleção de imagens, de telas, que considera representativas do período abordado.

A arte pictórica sobre Napoleão, que sempre buscou encontrar na pintura seu lugar de memória, é o tema central deste livro, que capta a glória napoleônica da Paris urbana de então.

O livro apresenta um traçado das ações napoleônicas, principalmente as militares, incluindo as obras realizadas para o melhoramento urbano e embelezamento da capital: obeliscos, construções de edifícios públicos, escolas, hospitais, museus, mercados, cárceres, etc.

A figura carismática de Napoleão permanece muito viva em museus, galerias, monumentos, principalmente os de Paris, explicitando as tendências estéticas do momento histórico. Fonte para o historiador, registro documental e obra para apreciadores, o livro apresenta um relato minucioso de um tema que ainda não tem sido abordado no Brasil.

“Raros foram os personagens históricos tão imortalizados na pintura e na escultura quanto Napoleão Bonaparte (1769 – 1821). E foi pela força imagética dessas expressões que, em grande medida, se ergueu um mito, afinal, confundido com o próprio século XIX. Como disse o célebre escritor Chateaubriand, “vivo, ele perdeu o mundo, morto ele o possui”.
Nesse livro, Beatriz Westin de Cerqueira Leite inventaria os diversos modos como sua figura foi representada nas batalhas ou nos palácios, mas sempre coberta de glória, de acordo com o gosto neoclássico ou romântico.
Para realizar sua obra a autora visitou museus franceses e ingleses, além de outros lugares da memória napoleônica, sobretudo em Paris. Não os percorreu, contudo, movida pela mera curiosidade turística, e sim com a sensibilidade e o olhar arguto da historiadora que busca interpretar a manifestação artística em seu tempo e lugar. Oferece assim ao leitor a oportunidade de apreciar o belo em sua dimensão histórica.”
Antonio Celso Ferreira

Peso 1.100 kg
Dimensões 21 x 1.5 x 29.7 cm
Acabamento

capa dura

Papel

Couché 150 g/m²

Páginas

168

Autor

Beatriz Westin de Cerqueira Leite

Seja o primeiro a avaliar “A arte como expressão da glória: Napoleão Bonaparte”